Arquivos

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis




Sociologia Independente
 


Porque votaria nulo

 

O título da presente postagem evidencia qual seria minha escolha caso estivesse no Brasil durante o segundo turno. Então, dessa maneira, respondo a questão da prezada leitora Lúcia Morato feita na última postagem.

 

Muito coerente foi o candidato Plínio ao anular o seu voto e muito fraca foi Marina (e seu PV) ao manifestar neutralidade e deixar o seu eleitorado orfão.

 

Sobre a vitória de Dilma, acho perigosa a tamanha festança da militância petista que em sua comemoração não se diferencia da fanática torcida de um time de futebol.

 

Não confio que um presidente, uma pessoa, seja responsável pelo melhoramento de uma nação e analiso que isso tenha algo a ver com a nossa orientação religiosa cristã, no tocante à idéia de que um salvador surgirá para nos conduzir ao paraíso.

 

A mudança de uma nação é estrutural mas está sob o aspecto político-partidário, refiro-me portanto à mudança individual. E a idéia, ou vício, de transferir ao próximo por meio do voto essa responsabilidade parece-me uma mera solução prática. Por isso também nas últimas postagens defendi a idéia da profissionalização da política e da obrigatoriedade de qualificação para o preenchimento dos cargos. Se não confio num médico que não tenha o diploma de medicina e que não tenha CRM, e que nenhum advogado pode advogar se não pertencer à OAB, não confio em quem queira ser político e não queira estudar política e os problemas da sociedade. O meu repúdio é contra todos os tiriricas que vêm nos representando.

 

Nessa eleição eu votaria nulo para presidente no segundo turno. Confesso que já votei em PT e em PSDB em outras. Mas as suas inércias e ausências de programas eficazes para o efetivo combate da corrupção e a pronta distribuição de renda e de propriedade colocam os partidos (e seus aliados) no mesmo saco.

 

São assuntos extremamente relacionados, corrupção e pobreza/má distribuição de renda. A Nova Zelândia, por exemplo, é o pais com menor índice de corrupção do mundo e está em terceiro lugar em relação a países com altíssimos índices de Desenvolvimento Humano (o que considera análises sobre saúde, educação e renda). O Brasil está em 69º em relação ao índice de menor corrupção e 73º no IDH. Congo ocupa o 164º lugar em corrupção e 168º em IDH (fontes: ONG Transparência Internacional e Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento – site Folha de São Paulo).

 

Na próxima postagem abordarei o tema corrupção.

 

 

Muito obrigado às amigas e aos amigos leitores pelos acessos, críticas e comentários! Seus acessos motivam a existência deste blog.

 

 

6132

 

 



Escrito por farelomartinez às 20h46
[] [envie esta mensagem
] []



 
  [ Ver arquivos anteriores ]